No meio do caminho tinha uma pedra…

No meio do caminho alemão tinha uma pedra… também conhecida como Espanha. E quando todos apostavam suas fichas no belo futebol que a Alemanha vinha jogando, a surpresa reaparece na África: Espanha 1×0 Alemanha. Eu, definitivamente, desisto de querer palpitar mais alguma coisa. Esta Copa está sendo totalmente imprevisível e agora será decidida por 2 equipes que jamais foram campeãs.

Muitos vão dizer que a Alemanha era fogo de palha, que havia um exagero por parte da imprensa e que futebol bem jogado não ganha campeonato. Antes que comecem, gostaria de dar um conselho. Nas derrotas e nas vitórias, analisem também quem estava do outro lado. E hoje a Espanha deu uma aula de como parar o adversário sem ser defensiva. Com muito tempo de posse de bola (que a Alemanha só recuperou no fim do jogo tentando o empate), com forte marcação na frente da zaga e preenchendo espaços de forma impressionante, os espanhóis acharam um jeito de não dar contra ataque ao adversário, arma principal dos alemães. Dessa forma, os obrigou a jogar tocando a bola de lado, sem muita objetividade. Isso fica claro se contarmos o número de bolas recuadas até o goleiro. Vale destacar que a Fúria também tentou o gol o jogo inteiro, criando mais chances que os germânicos. A Alemanha bem que tentou pressionar no fim, mas o esquema espanhol realmente era muito eficiente. Resultado justo pela partida, não pela Copa.

Pela primeira vez em 80 anos, a Espanha chega numa final de Mundial. Foram Copas e mais Copas entrando como favorita e saindo pela porta dos fundos. Já teve seleções de arrancar suspiros, mas que sempre falhavam nos momentos mais improváveis. Agora em 2010, finalmente a fama da seleção espanhola foi confirmada e ela está lá, onde já deveria ter chego há tempos. Boa sorte, Fúria. Mas abra o olho, porque a Holanda também vem forte!

Siga-me no twitter: www.twitter.com/blogdobuja

Abraço

Anúncios

One response to this post.

  1. Posted by Paulo Silva on 07/07/2010 at 11:35 pm

    Eu fiquei impressionado com a marcação da Espanha.
    Esse time da Alemanha é muito bom também, mas o time espanhol marcou com perfeição a saída debola e dominou o meio campo.
    Dizem que o campeão da copa dita o estilo de jogo para os 4 anos seguintes. Tomara que a Espanha vença então e que o Brasil os imite, principalmente na marcação forte.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: