Archive for the ‘Rivalidade’ Category

Derby Paulista

No Pacaembu, Palmeiras e Corinthians ficaram no empate por 1×1. O jogo foi bom, visto que as duas equipes buscaram o jogo praticamente o tempo todo. Tá certo que não foi um primor técnico, até porque o nível do futebol hoje em dia está baixo, mas até onde foi possível, ambos brigaram pela vitória. Apesar do placar, não seria injustiça se houvesse um vencedor, apesar de ninguém ter criado muita coisa.

Corinthians

Em termos de pontuação, o empate não foi péssimo, mas também não foi uma maravilha. Com apenas um ponto conquistado, o timão perdeu a liderança para o Fluminense, que agora tem 26 contra 25. Apesar do resultado, a partida serviu pra mostrar que a equipe do Parque São Jorge tem tudo pra brigar pelo título em Dezembro, caso Adílson mantenha o ótimo trabalho que Mano Menezes vinha fazendo. O Corinthians mostrou ter um fortíssimo contra-ataque, que resultou em um gol e em alguns outros lances. Com a a volta de Ronaldo, essa velocidade tende a ser perdida, a não ser que o Fenômeno volte voando, o que eu não acredito. O destaque negativo do jogo ficou por conta do Bruno César, que após uma boa sequência que o colocou como artilheiro do time no campeonato, jogou um futebol abaixo da crítica. Jucilei, apesar de ter feito uma partida razoável, não mostrou porque merece estar na seleção.

Palmeiras

O Palmeiras até que tentou, mas pode lamentar o empate na partida, pois o ponto somado não ameniza muito a situação no campeonato. Pra quem almeja brigar pela vaga na Libertadores, precisa melhorar muito, deixando claro que Felipão terá um trabalho árduo pela frente. Hoje foi possível ver que o verdão tem um meio campo um pouco vulnerável. Quando o Corinthians queria pressionar, fazia com a maior tranquilidade, já que o meio campo palmeirense não dava o combate onde deveria. Talvez com a entrada do jovem Tinga, o time ganhe um pouco de qualidade no setor, além de melhorar a saída de bola. Lá na frente também poderia ser melhor. Kléber joga praticamente sozinho, visto que o Ewerthon não joga aquele futebol que apresentava nos bons tempos. Perdido, sem tempo de bola e pensando mais individualmente do que coletivamente, precisa pensar um pouco mais pra não ficar em posição de impedimento o tempo todo como hoje. Enfim, como Felipão já disse, o trabalho é a longo prazo e o torcedor tem que entender essa filosofia. Talvez a chegada de Valdívia melhore um pouco, mas não é o suficiente pra por o alvi-verde no pelotão de frente.

Siga-me no twitter: www.twitter.com/blogdobuja

Abraço

Estão deixando ela crescer…

A Argentina acaba de atropelar a até então surpreendente Coréia do Sul, que hoje não jogou absolutamente nada: 4×1, com três gols de Higuaín, artilheiro do Mundial. Apesar do resultado, o jogo não foi tudo isso que mostra o placar. Nossos vizinhos foram muito competentes, aproveitando as chances criadas, sendo uma delas em claro impedimento.

Desse jogo, pode-se tirar duas conclusões importantes. É nítido que nossos hermanos não tem uma defesa sólida, deixando o quarteto defensivo vulnerável demais ao longo dos 90 minutos. O ‘problema’, que pra eles é solução, é o forte ataque, que conta com um trio extremamente veloz e imprevisível, com Messi e Tevez pelas pontas e Higuaín centralizado, além de DiMaria chegando com frequência pelo meio. Isso sem contar Kun Aguero e Gabriel Milito, que ficam no banco, mas também tem qualidade. Maradona, conhecendo bem seu time, está arriscando. Ao invés de tentar proteger sua fraca defesa jogando um futebol de resultado, coloca três atacantes lá na frente, deixando o adversário preso e impedindo que seja atacado com muita frequência. Atitude inteligente e quem ganha é o futebol.

Enfim, jogo disputado, com a Argentina melhor, mas não era pra tanto. Bom pra eles, péssimo pra todas as outras seleções, que estão deixando nossos hermanos cresceram agora e talvez seja difícil pará-los depois. Principalmente pelo fato de que a Grécia deve ser outra baba, fazendo com que a moral deles suba ainda mais. Aquela seleção que passou sufoco nas eliminatórias já não existe mais. É bom abrirmos o olho!

Siga-me no twitter: @blogdobuja

Abraço…